Sobre o perdão de Deus

Ual,até parece que já abandonei este blog!
Meta do ano é terminar escrevendo nele! kkkkk

Ia simplesmente falar sobre nada aqui,mas acho que vale compartilhar a mini ministração do devocional de ontem (o projeto das 42 semanas começou ontem! AEEE! Rs).
A leitura vai ser cronológica,então estou em gênesis,rs.

"Quando escutaram o som do Eterno passeando pelo jardim, na hora da brisa da tarde, o Homem e a Mulher esconderam-se entre as árvores. Não queriam se encontrar com o Eterno. Mas o Eterno chamou o Homem: "Onde você está?" Gênesis 3.8-9 (A mensagem)

Ontem estava conversando com uma amiga,e por incrível que pareça,foi exatamente esse o teor da conversa.
Ela havia pecado e não estava se sentindo digna,capaz de estar na presença de Deus.
E quantas vezes não nos sentimos assim? Cometemos pecados, e eles nos separam de Deus, sabemos disso, então nos sentimos culpados por termos ferido o amor de Deus por nós e queremos nos afastar dEle, afinal, não somos dignos, Ele só nos trata com amor e carinho, nos dá sempre o melhor e retribuímos como? Jogando na cara dEle que o que Ele nos dá não é suficiente(pq é isso que o pecado faz, mostra que não precisamos de Deus, que sabemos fazer nossas próprias escolhas, o que não é verdade).

Mas sabe o que é o maravilhoso dessa história? Que mesmo sabendo o porquê estamos escondidos da presença dEle, Ele nos chama. O perguntar "Onde você está?" demonstra a saudade de Deus. Deus sente saudade da gente! E por não querer que fiquemos longe, Ele dá o primeiro passo para o perdão, vêm atrás da gente, pergunta onde estamos e por trás dessa pergunta Ele diz "filho, não importa o que você fez, vêm até aqui falar comigo porque eu quero te perdoar!"

Isso é tão fantástico que mesmo quando pedimos perdão para o Eterno e Ele nos perdoa, achamos que ainda precisamos de uma punição, de uma espécie de castigo, mas não é assim que funciona. Jesus simplesmente veio para pudéssemos ser perdoados, e ai, começar de novo.

Vai levar um tempo para se sentir á vontade na presença do Eterno, pq você está começando de novo. Mas não pq Jesus não te perdoou, mas pq você não se perdoou ainda, e até conseguir esse perdão, vai engatinhar de novo até chegar na presença dEle.

Termino este texto dizendo que, não importa o que você fez, quem você é, Deus está disposto a te perdoar, e muito provavelmente Ele já o fez, mas você precisa se perdoar também. O perdão abre portas que nem imaginamos, e o mais difícil de oferecer não é para os outros, é para você mesmo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Adoraria saber sua opinião sobre o post!
Pode ser sincero, mas sem maldade, lembre-se sou uma pessoa também!