Unboxing Turista Literário #Março

Chegou o tão esperado dia do mês em que fazemos o unboxing da caixinha mais amor do planeta, o Turista Literário!


A desse mês saiu com uns dias de atraso, por motivos de eu perder o dia que ela chegaria em casa e ter de ir até o correio buscar + Trabalho Interdisciplinar da faculdade.

Mas vamos ao que interessa, não é mesmo?!? Qual será o lançamento que nos foi presenteado neste mês de março? #mistério

Primeiro uma visão geral da caixa maravilhosa!


 E o primeiro item, é essa caixinha com um sabonete em formato de noz da sorte, dentro tem uma mensagem, mas não tive coragem de abrir kkk


 Esse poema, é na verdade a música que as crianças da cidade cantam enquanto pulam corda que evoca o monstro da floresta, mas tudo bem se não cantarem a última palavra.


 E bem, já que estamos na floresta, nada mais justo do que o souvenir ser uma maleta térmica para carregarmos nosso lanchinho para nos saciar durante a aventura.


 E, claro, não poderia faltar o lanchinho super natural e fácil de encontrar na floresta, amoras. (Okay, essas não são amoras de verdade, mas estavam deliciosas do mesmo jeito)

E então, o tão aguardado livro: "O canto mais escuro da floresta" da Holly Black.
Sério, de longe a capa mais linda que já vi na vida e ainda é todo trabalhado por dentro também!


A leitura flui muito bem, devorei o livro em 3 dias por motivos de meus olhos não aguentavam mais ficar abertos para terminar em um único.
A escrita da Holly te envolve, quando você percebe, está lutando junto com a Hazel ou gritando com medo dos perigos que podem aparecer e machucá-la.


Na minha humilde opinião, o livro é MUITO legal de ler, mesmo tendo uns flashbacks do nada, a autora poderia ter usado de algum artificio para fazer com que o leitor realmente saiba quando começa a contar algo do passado, ás vezes isso é muito confuso, ela está falando do que tá acontecendo e do nada vai para uma lembrança e você fica meio "opa, que que tá acontecendo?".

Tirando isso, a trama flui naturalmente a cada página, te envolve de uma maneira que você não aguenta tanta ansiedade para saber o final, o que tá rolando com a Hazel que começa a perceber uma vida dupla, em quem ela realmente pode confiar, se aparentemente nem ela é de confiança?

Com esse livro, descobri que sei absolutamente nada sobre fadas, elas vão muito além da fada madrinha e TinkerBell. Que manter segredos podem ser perigosos, a verdade é sempre a melhor saída, é através dela que nos sentimos livres e obtemos ajuda. Que amigos são um ótimo investimento eles te conhecem e te ajudam nos piores momentos.

O final é totalmente satisfatório, com algumas surpresas, e um clima de Harry Potter, já que praticamente todo livro dele termina no mesmo ambiente em que Hazel se encontrou nas páginas finais, a enfermaria. E para quem assistiu ou leu "Crônicas de Spiderwick" o clima é exatamente o mesmo durante toda a trama, parece que está vivendo umas das crônicas.

Super recomendo, ainda mais por ser um livro único!

Enfim, é isso!


Me digam o que acharam desse unboxing? Tem curiosidade para ler o livro?

=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*
Título: O canto mais escuro da floresta
Organização: Holly Black
Editora: Galera Record
Páginas: 294

Sinopse: No meio das árvores há um caixão de vidro, que descansa sobre o chão, e, dentro dele, dorme um garoto de chifres e orelhas bem pontudas...
Hazel e seu irmão, Ben, moram em Fairfold, uma cidade onde humanos e o povo das Fadas convivem pacificamente. Turistas visitam o lugar para testemunhar as maravilhas do Povo e, o elemento mais encantador ali, o garoto de chifres. Mas os visitantes jamais conseguem ver o perigo daquelas árvores.
Desde crianças, Hazel e Ben criam histórias sobre o garoto no caixão de vidro. Que ele é um príncipe e que os dois são cavaleiros em sua guarda. Fingem, e esperam de todo o coração, que seu príncipe seja diferente das outras Fadas, que fazem acordos cruéis, escondem-se nas sombras das árvores e amaldiçoam turistas...
Mas a medida que cresce, Hazel vai deixando as histórias de lado. Ela sabe que o garoto de chifres nunca irá acordar.
E então, um dia... 
Ele acorda.
E tudo vira de cabeça para baixo. Hazel precisa se tornar o cavaleiro que um dia sonhou ser. Numa história de amor puro, lealdade clandestina e a pontada ferina da traição, a garota e seu irmão se perguntam se a coragem dos tempos de infância será o suficiente para os salvar.



=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=*=* 

Um comentário:

  1. Eu to muuuuuuito louca para assinar uma caixinha do turista pq eu acho muito legal essa coisa bem artesanal mesmo que eles fazem com docinhos, cheiros e etc. Também estou louca para ler esse livro e pelo jeito, acho que vou gostar bastante.

    Beijos!
    http://www.prateleiracolorida.com.br

    ResponderExcluir

Olá! Adoraria saber sua opinião sobre o post!
Pode ser sincero, mas sem maldade, lembre-se sou uma pessoa também!